Arquivo da categoria: estampa

DUDU ENTREVISTA NEY

neymatogrosso3ln2
Como eu estava falando de estampas, vi essa no blog do Jorge, meu querido amigo cigano: Dudu Bertholini entrevista Ney Matogrosso para uma revista eletrônica muito bacana que se chama Dengue Mag do fotógrafo Christian Gaul. Achei uma grande sacada, algo que estava no ar e que ninguém ainda tinha feito.
Aliás gostei tanto da dica que estou reproduzindo aqui. Tem um editorial de moda feito pelo próprio Ney. E algumas coisas muito interessantes, agora a revista peca pelo excesso de afirmação do chamado “lifestyle carioca” que eu acho um grande equívoco conceitual e ideológico, mas isso fica pro post seguinte.
030420081414501057806647

ESTAMPAS MARCAM HISTÓRIAS

Talvez uma das carcterísticas mais bacanas e jovens e brasileira na moda feita no país foi o aparecimento de estampas de cores fortes, do crash e da anarquia das cores nas nossas roupas. Esse tipo de estampa tem muita relação com o Brasil sem exigir um certificado de brasilidade. É natural e espontâneo!
Nessa leva de estilistas que criam estampas incríveis está a jovem marca Amonstro das queridas Lívia Torres e Helena Pimenta. Elas eram da geração Amni Hot Spot, infelizmente um projeto interrompido que lançou muitos bons nomes durante a sua existência – Fabia Bercsek, Wilson Ranieri, Simone Nunes, Jefferson de Assis, Erika Ikezilli e Samuel Cirnansck sairam do Amni.
[Aqui um parênteses importante, Dave me escreveu corrigindo e me lembrando que a Fábia, a Erika, a Simone e o Samuel saíram da Casa dos Criadores. E ele tem toda razão, mesmo a imagem deles no Amni sendo muito forte, foi a casa que os lançou, a verdade seja dita, aliás a Casa de Criadores lançou boa parte dos nomes da moda que atuam em SP hoje, outra verdade também, basta lembrar de Marcelo Sommer, Jum Nakao, Ronaldo Fraga, VRom, Cavalera, para citar só alguns]
Hoje recebo a triste notícia que Amonstro vai fechar. Ainda não sei as razões. Mas está claro que hoje em dia é bem difícil manter uma marca jovem.
Elas promovem um grande bazar final nesse fim de semana de sexta, dia 22, até domingo, dia 24, na Rua Campevas, 610, Sumaré, das 10h às 21h.
4728

Apesar da notícia chata, as estampas continuam a iluminar o comportamento jovem, pelo menos de São Paulo. A maior festeira da cidade, Lalai, promove a chegada de mais uma noite nova na cena paulistana: a Crash of Colors. Na produção, além da Lalai está o pai da abravanation Rick Castro, outro movimento que é uma estampa só. Vai ser, é claro, no Glória, nesse sábado, dia 23.
E Lalai pede: “Queremos que todos entrem no clima e tirem suas roupas mais coloridas e estampadas do armário!”
n537583662_1864497_5702112-420x310