ELEGÂNCIA E ORIGINALIDADE

Minha amiga Sueli quando escrevi sobre elegância me abriu os olhos e me deu uma dica preciosa, ela escreveu:

“Aproveitando a oportunidade aberta pelo tema elegância e individualidade, que eu concordo plenamente, eu gostaria de entender um pouco mais sobre o papel da originalidade na combinação elegância & individualidade. Você acha que seria pertinente considerar a originalidade como um resultado, talvez, de uma atitude individual que foca na elegância? Ou será que seria o contrário?”

Voltando ao pai dos burros, lá encontro:

Originalidade S.f. Qualidade ou caráter de original

Original Adj. 1. Relativo a origem. 2. Que provém da origem; inicial, primordial, primitivo, originário. 3. Que não ocorreu nem existiu antes, inédito, novo. 4. Que foi feito pela primeira vez, em primeiro lugar, sem ser copiado de nenhum modelo. 5. Que tem caráter próprio; que não procura imitar nem seguir ninguém. 6. Que por seus caracteres peculiares, singulares, chega a ponto de tornar-se bizarro, extravagante.

E no Dicionário de latim:

Originale, a palavra na língua mãe para original está relacionado com o verbo orire que siginifica levantar-se, lançar-se para fora de, nascer, tirar sua origem de, originar-se, começar.

A originalidade é produto do levante da individualidade, quando ela se lança pra fora, quando nasce, impõe seu cárater. A verdadeira individualidade sempre carrega um grau de originalidade. Então pensando na pergunta da Sueli, acredito que é do encontro da originalidade com a individualidade que se origina a elegância.


Mona Lisa: uma elegante por seu sorriso original e individual que só a ela pertence

13 Respostas para “ELEGÂNCIA E ORIGINALIDADE

  1. Pingback: Tweets that mention ELEGÂNCIA E ORIGINALIDADE « dus*****infernus -- Topsy.com

  2. Não sei porque esse problema de consultar dicionário e chamar de “pai dos burros”, como se fosse uma coisa menor procurar informação lá. bobagem!

  3. “A originalidade é produto do levante da individualidade, quando ela se lança pra fora, quando nasce, impõe seu cárater.”

    Até tuitei, de tão foda.

    Quanto gente precisa ouvir – e assimilar – isso, não?!

    Saudade…

  4. vitor, vc deveria dar mais cursos e catequizar as pessoas!

  5. Voce é um individuo originalmente elegante .🙂

  6. talvez encante as novatas com seu texto, as que chegaram agora, as deslumbradas sem muita cultura, mas para as experientes vc nao tras nada de novo

  7. Uma pessoa experiente pode ser repetitiva e não original… até deselegante. O ordinário é algo experimentado.

  8. “É do encontro da originalidade com a individualidade que se origina a elegância.”

    Quanto mais penso nesta conclusão tua, mais fico convencida de que você esta certo! É impossível ser elegante sem passar pelos criterios da originalidade e individualidade juntos.

    Alias, o uso da imagem da Monalisa ilustra perfeitamente o que voce diz… e mesma acrescenta um outro conceito da elegancia resultante da originalidade + individualidade: ela é intemporal.

    Por mais “abusada” que foi ou continua sendo, Monalisa sera sempre a Monalisa de Da Vinci: uma referencia inquestionável de excelencia artistica para a humanidade através do tempo…

  9. oie pessoas incriveis entao essa proxima quinta tem festinha,super hype na realidade era a festa que acontecia na torre,e seus organisadores resolveram mudar de espaço.
    Dizem as boas linguas que no primeiro dia estava incrivel,ate presença de tops so pessoas lindas,maquiadores,modelos,fotografos fashionistas e pra quem nao esperava o dj hype da torre bispo esta na sua casa,nova astronete seja bem vindo entrem no blog da festa http://festatombo.wordpress.com/ .
    a festa começara as 23:30 entao levem o povo mais bacana que vcs conhecem,porque na realidade e uma festa e nao bailinho,desculpa a expressao,e pra poucos mesmo o lugar e reservado acredito eu que a fsta de quinta tem a ficar melhor bj a todos e muita paz…. Se possivel passe e-mail pros amigos incriveis logico que gostamos de ver sempre…….. mesmo que seja uma vez por semana.
    Entrem no link da festa blog la tem o endereço e a programaçao boa festa. e tem fotinhas das pessoas que frequentam a buati…… brincadeira.
    http://festatombo.wordpress.com/

  10. Considero que devia apresentar o sentido do nome do dito quadro de Da Vinci, Mona Lisa. O nome do quadro é de uma junção de “monã” (Deus pagão) com “Isis” (Deusa da fertelidade e senhora da magia). Suas mãos estão numa postura (mudra) de defesa, representando que ela alegoriza a ciência hermética, esotérica. E Ela mostra não a totalidade dos dedos de suas mãos, mas unicamente 9 dedos.

    O que representa o número 9 dentro da Alquimia senão o Arcano 9 do Tarô, o Eremita solitário? A Nona Esfera da Magia Sexual? Os 9 Céus e os 9 Infernos de Dante?

    Lá no fundo do quadro vemos dois Caminhos, as famosas Vias Seca e Úmida da Alquimia Sagrada.

    O Caminho Úmido, indica a Senda Nirvânica, que é uma senda maravilhosa, e o Caminho Seco, que assinala o Caminho Direto para Deus, para o Absoluto, que é um Caminho Superior. Porém, esses dois Caminhos só existem quando compreendemos que eles têm um Guardião, que é essa bela e austera Senhora, nossa Mãe Divina Interior Kundalini. Sem Ela.não há verdadeiro trabalho de Alquimia.

    Da Vinci conhecia a fundo a ciência alquímica e por meio da Inspiração ele conheceu sua Mãe Divina particular, pois todos nós temos a nossa própria e íntima Mãe. Ah, uma última observação: os nomes Mona Lisa e Gioconda têm as 3 letras fundamentais IAO, que são os mantras secretos dos gnósticos. IAO é um dos mantras sagrados da Magia Sexual.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s