O DIÁRIO DE BORDO DE IVI E MINHAS LEMBRANÇAS

2763888239_ab0836cc0b

Adelaide Ivánova, a Ivi, é uma menina arretada. Fotógrafa, amiga delícia dos backstages da moda e do mundo, ela se mandou pra Europa. De lá, ela transformou seu blog – incrível, cheio de humor e sacadas – em um diário de bordo. Muitos amigos seguem tudo o que está acontecendo com ela pelo blog, eu sou um deles.

Sobre Roma:
roma é cafona demais. e ela nunca te dá a chance de esquecer que você está em roma. é um pouco opressor.
fui em tudo os pico turístico e tudo que eu queria era ver um italiano – coisa que, claro, não consegui. como aqui tem turista, meu deus! parece aparecida do norte!
[…]
ainda estou sem conseguir entender o que achei. amei roma, odiei roma.
mas ela é tão imponente que certamente não está nem aí pra isso.

Sobre viajar sozinha:
viajar sozinha faz com que eu fique muitas horas em absoluto silêncio.
é maravilhoso.

Sobre impressões lisboetas:
aí deus colocou ovo e manteiga e açúcar, pôs no forno, tirou do forno, jogou por cima sem nenhuma parcimônia canela e açúcar de confeiteiro.
e assim nasceu o maravilhoso, único, sem concorrênias, bom pra caralho pastelzinho de belém.

Sobre os portugueses:
estava eu fotografando umas pixacoes aqui perto do hostel, quando uma vovo’ portuguesa me para e pergunta (pelo amor de deus leia com sotaque portugues):
estas a fotografar as pinturas rupestres?
nao e’ um jeito maravilhoso de ver as coisas?

E como fotógrafa escreveu um texto excelente sobre as fotos e o turismo.

Ivi, seu texto é tão bom e visceral que me fez retornar a uma das épocas mais felizes da minha vida, quando fiz mochila pela Europa, assim como você. Só que na época não tinha blog, nem internet (acho) e eu em uma pequena agenda anotava tudo, mas tudo mesmo – endereços de pessoas que conhecia, contas, programação da viagem, a data de uma passeata pró-Cuba, como falar “obrigado” em chinês (si si) e “prazer em conhecer” em japonês (sadji me mashite), um manisfesto sobre o cinema que acaba asim: “e nunca esquecer: fazer cinema é amar o mundo de maneira torta, porque se constrói um outro mundo. Roma, 11-03 em uma lavanderia em meio árabes e negros pois é preciso lavar a roupa suja”. E é claro anotações de lugares e pessoas: “Sevilha ensina a todos como os árabes só fazem bem a velha e estúpida Europa”; “Americano sozinho ou em casal é como aquele livro do Sallinger: ‘O Apanhador no Campo de Centeio’, americano em grupo é como aquele filme: ‘Porky’s'”; “Todo português é um Pessoa”; “Madrid, até traguei”; “Praga, o sonho acabou”. E já morrendo de saudades do Brasil escrevo: “Está passando ‘Mandala’, em Algarve e não há nada mais bonito no mundo do que a mulher mais bonita do planeta, falando a língua mais bela. Viva Vera Fischer!”

Deu saudades Ivi, de você, da minha viagem, de mim…

1271544683_8effd78b66
as duas fotos são de Ivi, é claro!

14 Respostas para “O DIÁRIO DE BORDO DE IVI E MINHAS LEMBRANÇAS

  1. Ivánova é quase uma Gabriela… Mas nem precisa do cravo e canela… Come-se mesmo como sushi, com aquele jeitão de Mclance feliz…
    ATORON!

  2. “de mim…” no final do texto me deixou meio arrepiado… tipo um mini soco no estômago.

    amigo, voce é foda.

  3. Angel, estou aqui rodeado de mulheres peladas, mas fiz uma pausa para vir aos Infernus! Não posso ler um post assim, de viajantes, que minha alma cigana vem a tona. Falando deles, vc não pode deixar de conhecer o Joao Leitao, mlk gato (ui!), que estrevistei para meu blog, faz algum tempo… ele morava a beira do deserto do Sahara e agora vive na Ucrânia. Já percorreu quase todo o planeta e seu blog é fundamental para quem pretende se lançar ao mundo. Assim como o Teo, da Legião Estrangeira, ele faz parte dos meus herois, encontrados no mundo virtual.

    http://www.joaoleitao.com/viagens/acerca-do-autor/

    ;0) Hj só fazendo a meiga, tá!!?

  4. Claro que ele não faz caras e bocas e parece saido de um editorial de moda da Nylon, como a sua turma! Num guentei… pronto falei!!! kkkkkkkkkkjuraquetentofazerafofismasnumguento!
    ;0)

  5. os textos da ivi sempre foram lindos, e só melhoraram depois que ela abandonou o alter-ego dr. vodca. e a ida a europa foi um presente que ela se deu, mas para nós também. amo ivi.

  6. delicia as histórias da ivi…

  7. choro tda semana de saudade da ivi, mas tô tão feliz que ela tá la

  8. ops é a jana

  9. ai para GENTE, QUE COISA LINDA, EU QUERO FUGIR!

    olha só vitor, to lendo religiosamente o Vodca, to lendo ON THE ROAD! e agora vc me vem com essa?

    bjsss

  10. querida vitar

    to beba e decidi que cou tatuar “Todo português é um Pessoa” na minha testa.

    eu naop sei cmo retribuir esse post lindo alem de dizer eu te amo, armin tb te ama, e jana e fernanda te amam. nao qyeria te dar todas essas noticiasmas alguem tinha que te sdiz er a verdade!!

    e meu professor de italiano, que +e um gato, vou dizer a ele pra te amar tb.

  11. Leo os dois religiosamente e amo os dois virtualmente🙂

  12. *leio

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s